http://www.qtaltchepilchas.com.br

www.qtaltchepilchas.com.br

segunda-feira, 30 de julho de 2012

Semana Farroupilha - "Nossas Riquezas" 07 a 20 de Setembro de 2012 - Não fique de fora dos Festejos Farroupilhas

"Nossas Riquezas" 07 a 20 de Setembro de 2012 O temário “NOSSAS RIQUEZAS”, para os Festejos Farroupilhas 2012, foi apresentado e aprovado no 59º Congresso Tradicionalista Gaúcho, realizado no mês de janeiro deste ano, na cidade de Pelotas. O Rio Grande do Sul, inicialmente habitado pelos índios, foi povoado oficialmente a partir de 1737. Todos aqueles que aqui chegaram, contribuíram para a formação do gaúcho nos deixando um legado que fazemos questão de vivenciar e preservar. Estes bravos, vindos de muitos lugares, trouxeram consigo a determinação e a vocação para o trabalho. Não encontram riquezas como o ouro e a prata, mas as belezas naturais e as manadas de gado e cavalos xucros. As riquezas do nosso estado, além daquelas da própria natureza, são fruto do trabalho e do espírito empreendedor da população que se formou pela miscigenação de raças e origens as mais variadas. O temário dos Festejos Farroupilhas deste ano tem a pretensão de poder despertar nas entidades tradicionalistas, nas escolas e em toda a sociedade o interesse pelo estudo e pela divulgação das riquezas do Rio Grande do Sul. Cada município ou cada Região Tradicionalista poderá selecionar aqueles aspectos que mais o caracterizem. Isso favorecerá a compreensão da geografia, da história e do potencial econômico que o uso das “riquezas” possibilita. Rendemos homenagem à mãe natureza, pelas maravilhas da nossa paisagem geográfica, e ao povo sul-rio-grandense pelas riquezas que criou e pela cultura que construiu. 1. FAUNA Para fins de estudo da fauna, podemos dividi-la entre animais nativos e animais trazidos de outras partes do mundo. Assim também podemos classificar os animais em três grandes grupos (sem preocupação com as classificações científicas): as aves, os peixes e os animais “terrestres”. Para os Festejos Farroupilhas, sugerimos que cada região do Estado dê destaque aos animais nativos mais presentes no ambiente natural, especialmente aquelas espécies que correm risco de extinção. 2.FLORA Em cada canto um encanto de beleza da flora rio-grandense, colorida ou verde, rasteira ou de grande porte. As flores com sua beleza e romantismo, que são simbologias locais, bem como a flor símbolo do estado; as árvores que produzem frutos ou simplesmente abrigam e nos dão sombra. A erva mate (Ilex paraguariensis) quer nos possibilita o preparo do o chimarrão; o Umbú com sua sombra acolhedora; as araucárias características dos campos de cima de serra; as gramíneas que deram condições à expansão da pecuária; os angicos, guajuviras e aroeiras com as quais foram feitos os palanques para os alambrados; as pitangueiras e cerejeiras e seus frutos maravilhosos. . 3.ÁGUA A rede de drenagem compreende rios que pertencem à bacia do Uruguai e rios que correm para o Atlântico. Os rios Jacuí, Taquari, Caí, Gravataí, Guaíba e dos Sinos, entre outros, são razoavelmente aproveitados para a navegação. A água que mata a sede, que irriga as plantações, que possibilita a navegação, que serve de habitat aos peixes, é a mesma que forma cascatas, que move moinhos e turbinas das usinas hidreletricas. Podemos destacar as águas doces internas (rios, lagos, córregos, vertentes) como podemos destacar a água salgada do mar que banha a nossa costa. 4. A AGRICULTURA Os nativos plantavam e produziam alimentos (feijão, aipim, batatas, milho). Os açorianos trouxeram o trigo, os imigrantes as videiras e as hortaliças. O trabalho, geralmente anônimo, transformou nosso Estado num dos maiores produtores de grãos do País. A agricultura fornece a maior parte dos alimentos consumidos pela população. Destacar essa atividade, estudar a história da produção agrícola, relembrar os primeiros instrumentos de trabalho e sua evolução, será uma tarefa, alem de prazerosa, também uma forma de homenagem aos homens e mulheres que chamamos “colonos”. Cada município ou cada região destacará e valorizará os produtos mais importantes, desde as hortaliças até o soja, passando pela maça, pelos cítricos, pelo milho ou pela bananeiras. 5. A INDÚSTRIA Com a chegada dos imigrantes alemães (e o incremento dos imigrantes italianos, pouco mais tarde) surgem as industrias familiares que foram crescendo e favorecendo e o desenvolvimento industrial marcante no Rio Grande do Sul. As indústrias coureiro-calçadista, metalúrgica, moveleira, química, cerâmica, do vestuário, etc. serão destacadas segundo o que melhor representar essa riqueza para o município. Podemos destacar a evolução, seja tecnológica, seja de processos de produção, valorizando o trabalho do homem e sua engenhosidade. . 6. O COMÉRCIO As trocas ou a comercialização de produtos, a atividade marcante dos mascates, as primeiras casas de comercio, os armazéns, bem como as formas históricas de pagamento merecem ser estudadas. O comércio interno e externo (exportação), como fator produtor de riqueza. Percorrer o caminho entre os primeiros comércios de “secos e molhados” até o comércio realizado pela internet, será um exercício de valorização da nossa história e da nossa gente. 7. A PRODUÇÃO DE ENERGIA Fator fundamental para o desenvolvimento das sociedades. A produção energética, representada pelas hidrelétricas, termelétricas (o carvão), parques eólicos, além da transformação do petróleo em combustível, é uma das nossas riquezas. A energia que ilumina nossas casa e ruas, que permite o funcionamento das indústrias, que traz confortos ao homem é a mesma que garante o funcionamentos dos hospitais e o transporte moderno. 8. EXTRATIVISMO A atividade de extração de riqueza, especialmente do subsolo, mesmo que não tenha sido uma atividade econômica fundamental do nosso Estado, merece ser valorizada e destacada. O carvão que move as termelétricas, a areia como elemento fundamental da construção civil, as pedras preciosas ou semipreciosas ou a argila com que são produzidas telhas e tijolos, o calcário utilizado na agricultura, são, atualmente, riquezas importantes. Cada região identificará os produtos que mais caracterizem a atividade extrativa e poderá destacar os cuidados a preservação e recuperação das áreas nas quais essa atividade é desenvolvida. 9. CULTURA O valor da cultura para a sociedade gaúcha, pode não ser monetário, mas tem grande importância para a fixação da identidade regional. Valorizar a cultura típica, manifestada pelas mais variadas formas (música, dança, literatura, usos e costumes, indumentária, etc.) é uma forma de fortalecer o caráter espiritual e a auto-estima da sociedade. Sob o ponto de vista econômico, a cultura tem sido importante para o desenvolvimento do turismo, especialmente o interno (observa-se o caso dos rodeios). Festividades, como os Festejos Farroupilhas, baseados na cultura e na história regionais, tem sido importantes e movimentam um volume significativo de recursos. Odila Paese Savaris Pedagoga – Conselheira do MTG-RS

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Estamos trazendo a coluna Tradição e Cultura do Jornal A Semana de Alvorada RS, edição do dia 20 de Julho de 2012.

TRADIÇÃO & CULTURA Alvorada – Capital da Solidariedade ACADEMIA DE DANÇAS LOUCOS POR FANDANGO Bueno! Dia 15 de julho iniciou novo curso de danças de fandango, no galpão do CTG Amanhecer na Querência, cujas aulas vão acontecer sempre no anoitecer dos domingos. O CTG fica na Rua Tramandaí, 76, no Jardim Alvorada. E no dia 20 de junho, inicia o curso no galpão do CTG Amaranto Pereira. E as aulas vão ser realizadas nas sextas-feiras à noite. O CTG fica na Rua Celso Lemes da Silva, 520, no Jardim Algarve. Contatos com os instrutores Leonel e Jaqueline pelo fone (51) 8171-6214. Em ambos os cursos, o valor da inscrição é de R$ 35,00 por casal. Em ambos as inscrições continuam abertas. CTG BENTO GONÇALVES DA SILVA (1) Bueno! A Academia de Danças Alma Crioula, capitaneada por Marcelo e Cláudia e o CTG Bento Gonçalves da Silva, te convidam para participar a partir desta sexta-feira (20/07), do curso de danças gaúchas de salão. Informações pelo fone (51) 9853-6770 com os instrutores ou então no galpão do CTG, na Rua Viamão, 1249, no Jardim Esplanada. Para fazer o curso não precisa ser associado de nenhum CTG e esta é uma das principais portas de entrada de novos tradicionalistas, novos quadros, novos e futuros dirigentes do Movimento Tradicionalista Gaúcho. CAMPANHA DE DOAÇÃO DE SANGUE Bueno! Esta é mais uma iniciativa dos programas Conexão Acácia e Balada Máxima, com o apoio incondicional do Concec Rádio Acácia FM 87.9. Trata-se da organização e realização de um cadastro de doadores de sangue. O chasque da campanha traz o seguinte teor: “doar sangue, um gesto que pode salvar uma vida. Parabéns àqueles que com um simples gesto demonstram profundo respeito ao próximo e enorme consciência social, ajudando anonimamente aos que sofrem. Faça parte deste grupo especial. Para se cadastrar e participar da campanha, “faça pelos outros. Faça por você. Doe sangue”. É fácil. Basta enviar um chasque eletrônico (email) com os seguintes dados: nome completo; data de nascimento; endereço; telefone de contato. Se você já é um doador, favor informar a data da última doação.Mandar os dados acima para conexao.ra@hotmail.com ou baladamaxima@hotmail.com. CTG BENTO GONÇALVES DA SILVA (2) Bueno! O CTG Bento Gonçalves da Silva abre as porteiras para receber os coirmãos, numa grande festa do culto às tradições, que é o 5º Festival Sócrates de Arte e Tradição, que traz a seguinte programação: Dia 27 de julho – sexta-feira: 20h30min – Abertura oficial do evento 21h – Concurso mais prendada prenda/peão (mirim, juvenil, adulto (a), chinoca/chirú) 23h – Entrega das faixas e crachás Mais Prendada Prenda/Peão 23h30min – Tertúlia livre Dia 28 de julho – sábado: 9h30min – Bocha tradicional Feminina 10h – Declamação prenda / Declamação peão 12h – Almoço 13h30min – Continuação declamação 14h – Tava e Tetarfe 15h – Intérprete Solista Vocal Prenda / Peão 17h – Chula 18h30min – Danças Gaúchas de Salão 20h – Danças Tradicionais de Par Dia 29 de julho – domingo: 9h – Bocha Campeira / Danças Tradicionais (Mirim e Chirú) 9h30min – Bocha Tradicional Masculina / Truco Trio 12h – Almoço 14h – Danças Tradicionais Juvenil / Adulta 19h – Horário provável para entrega da premiação. Contatos pelos fones (51) 8587-0567 ou (51) 9962-6266 ou pelo chasque eletrônico ctg.bgs@gmail.com. O CTG fica na Rua Viamão, 1249, no Jardim Esplanada. CTG SENTINELAS DO PAGO Bueno! Dia 28 de julho, teremos no CTG Sentinelas do Pago, o grande jantar-baile de posse da nova patronagem, com churrasco dos bons no cardápio. A animação será por conta do Grupo Oh de Casa e Dionisio Costa. Imperdível. Ingresso com jantar (somente antecipado) por R$ 20,00 e ingresso somente pro fandango a R$ 10,00. Contatos pelo fone (51) 9341-1742. O CTG fica na Rua Porto Alegre, 216, no bairro Maria Regina. Valdemar Engroff Fone (51) 3443-4125 noite Celular (51) 9966-5164 valdemar@engroff.com.br www.sitiodogauchotaura.blogspot.com www.obolsodabombacha.blogspot.com www.programagritosdoqueroquero.blogspot.com www.ctgamaranto.blogspot.com

segunda-feira, 16 de julho de 2012

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Estamos trazendo a coluna Tradição e Cultura, que estará nas páginas do Jornal A Semana de alvorada na edição de 06.07.12

TRADIÇÃO & CULTURA Alvorada – Capital da Solidariedade ENART – ETAPA REGIONAL Bueno! O tempo passa e já varamos para o segundo semestre, pois o primeiro semestre deste ano já ficou pra trás. E com o passar do tempo, avançam os ensaios e preparativos para o final do Enart (novembro). Por aqui, na 1ª RT, teremos o primeiro embate no próximo final de semana (07 e 08 de julho), em Porto Alegre, nas dependências do Ginásio Tesourinha, com apresentação das modalidades individuais no sábado (07) e das invernadas artísticas (Forças A e B), no domingo (08). Os classificados da fase regional, irão para a Interregional, que, a principio, está marcada para o final de setembro, na cidade de Portão. CTG AMARANTO PEREIRA Bueno! O CTG Amaranto Pereira estará escancarando as porteiras do seu galpão nesta sexta-feira, dia 06 de julho, quando vai ser realizado o grande jantar da Invernada Juvenil. No cardápio, strogonoff, arroz, feijão e saladas. A atração da noite será a apresentação da invernada juvenil para o público presente. Valor do jantar apenas R$ 10,00 individual. O CTG fica na Rua Celso Lemes da Silva, 520, no Jardim Algarve CTG AMANHECER NA QUERÊNCIA Bueno! O CTG Amanhecer na Querência te para participar no dia 07 de julho, do 4º baile da cuca e da linguiça, que será animado pelo Grupo Moda Antiga de Sapucaia do Sul. Convites: casal R$ 35,00 individual R$ 20,00. Contatos e informações com o Patrão Nereu pelo fone (51) 3411-0467. O CTG fica na Rua Tramandaí, 76, no Jardim Alvorada. CTG CAMPEIROS DO SUL Bueno! A patronagem do CTG Campeiros do Sul e o Grupo Balanço Campeiro te convidam para participar no dia 07 de julho, do grande baile, quando o Grupo vai lançar o seu novo CD. Contatos com o patrão Metralha pelo fone (51) 9256-9766. O fica na Av. Maringá, 720. CTG SENTINELAS DO PAGO (1) Bueno! No dia 7 de julho, no galpão do CTG Sentinelas do Pago, vai acontecer o 4º Jantar das Invernadas. Valor por pessoa: apenas R$ 8,00. O CTG, que fica na Rua Porto Alegre, 216, no bairro Maria Regina. CTG SENTINELAS DO PAGO (2) Bueno! O CTG Sentinelas do Pago, sua patronagem e todos os seus departamentos, convidam todos os gaúchos para participar nos dias 13, 14 e 15 de julho, do 7º Rodeio Artístico e Cultural Beno Scherner, que traz a seguinte programação: Sexta-feira – dia 13 de julho: 19h – Solenidade de abertura do evento, seguido pelo Encontro de Gaiteiros. Sábado – dia 14 de julho: 8h – Hasteamento das bandeiras 8h30min – Declamação 12h – Almoço 14h – Causa; Tava 15h – Intérprete vocal 15h30min – Tetarfe 18h – Arriamento das bandeiras 18h – Danças de par 19h – Danças de fandango Domingo – dia 15 de julho: 8h – Hasteamento das bandeiras 8h30min – Danças Tradicionais Mirim e Chirú 8h30min – Truco 9h – Bocha campeira 10h – Escova 12h – Almoço 14h – Danças Tradicionais juvenil e adulto 14h – Bolita 18h – Arriamento das bandeiras 20h – Horário provável para entrega das premiações. Informações e inscrições: Patrão Paulo Edson pelo fone (51) 8420-4678 ou Fabiana Veleda pelo fone (51) 8545-0180 ou pelo chasque eletrônico ctgsentinelasdoapgo@bol.com.br. Visite também o sítio do CTG abrindo as porteiras clicando em www.sentinelasdopago.blogspot.com. Valdemar Engroff Fone (51) 3443-4125 noite Celular (51) 9966-5164 valdemar@engroff.com.br www.sitiodogauchotaura.blogspot.com www.obolsodabombacha.blogspot.com www.programagritosdoqueroquero.blogspot.com www.ctgamaranto.blogspot.com